808 202 816


Cabos



Filtrar por:

AAAC
AAAC
Especificações Técnicas

Condutor para linhas aéreas de média, alta e extra alta tensão.
 

Características de construção

Os condutores são formados por fios de liga de alumínio, concentrados em camadas.
Todos os arames têm o mesmo diâmetro nominal.

 

Características Técnicas

• A liga de alumínio tem uma capacidade de resistência à tração maior do que o alumínio AL1
• Liga de alumínio com uma condutividade entre 52,5 e 53% IACS
• A relação tração / peso é maior do que os cabos AAC padrão
• A resistência à corrosão excede a dos cabos ACSR


AAC
AAC
Especificações Técnicas

Condutores usados em distribuição aérea de curta distância em subestações de energia de alta tensão. Também utilizados como condutores cobertos para baixa e média tensão, adequados para serem isolados ou cobertos.
 

Características de construção

Os condutores são formados por fios desencapados de alumínio (duramente desenhados) concentrados em camadas. Todos os arames têm o mesmo diâmetro nominal. Para condutores cobertos, os condutores descobertos podem ser compactados para reduzir a quantidade de material de isolamento.
 

Características Técnicas

• Alumínio com uma condutividade de 61% IACS
• Bons recursos elétricos
• Boa resistência à corrosão
• Fácil de comprimir


ACSR
ACSR
Especificações Técnicas

Condutor usado como fio terra de energia para proteção de linhas aéreas de média, alta e extra alta voltagem.
Indicado para linhas aéreas com longos comprimentos. 

 

Características de construção

Os condutores são feitos de uma ou várias camadas de fios de alumínio em camadas concêntricas ao redor de um núcleo de aço galvanizado. O núcleo de aço pode ser impregnado com graxa de proteção. Para levar o cabo a aplicações específicas, é possível variar a proporção relativa da área da seção transversal de alumínio e aço.
 


Características Técnicas

• Boa resistência à corrosão
• Boa relação de força/peso. Permite o uso em longo comprimentos de extensão.


LXHIOZ1(be)
LXHIOZ1(be)
Especificações Técnicas

Cabo de energia - Média tensão

Construção

1.Condutor
Alumínio classe 2 da norma IEC 60228

2.Ecrã do condutor
Semicondutor extrudido

3. Isolamento
Polietileno reiculado (XLPE)

4. Ecrã de isolamento
Semicondutor extrudido

5.Blindagem
Ecrã de fios de cobre
Bloqueio longitudinal à penetração de água com fita hidroexpansiva

6. Bainha
Polietileno (PE) com camada semicondutor extrudida

 

Aplicações

 

Redes de transmissão  e distribuição de energia de média tensão.
Podem ser instalados ao ar, em calhas ou enterrados.

Raio de curvatura mínimo durante a instalação =
20 x diâmetro exterior do monocondutor.
Raio de curvatura mínimo após instalação =
15 x diâmetro exterior do monocondutor.

Temperatura admissível durante a instalação: 0ºC a + 45ºC

Temperatura máxima admissível do condutor:
- Temperatura de serviço: 90ºC
- Curto-circuito do condutor:250ºC

 

 


H1Z2Z2-K
H1Z2Z2-K
Especificações Técnicas

Cabos para instalaões de energia solar fotovoltaica.

Os cabos Exzhellent class solar H1z2z2 - K são concebidos para resistir às condições ambientais mais exigentes que afetam qualquer instalação, quer seja fixa, móvel, instalada num telhado ou arquitetonicamente integrada.

O Exzhellent class solar proporciona máxima eficiência e garante a transmissão de energia durante toda a vida útil da sua instalação.
 

Construção

1-Condutor
Cobre estanhado class 5 (-F)

2-Isolamento
Elastómero reticulado isento de halogéneos

3-Bainha exterior
Elastómero reticulado isento de halogéneos


LSVAV - LVAV
LSVAV - LVAV
Especificações Técnicas

Cabo para transporte e distribuição de energia, de tensão estipulada 0,6/1 kV.
Indicado para instalações exteriores, directamente enterradas, ou instalações onde seja necessário proteger o cabo a esforços de esmagamento, impacto ou contra o ataque de roedores. 

 

Especificações Técnicas

 

Tensão estupulada U0/U 0,6/1 kV
Tensão de ensaio 3,5 kV a.c. 5 minutos
Temperatura máxima do condutor em regime permanente 70ºC
Temperatura máxima do condutor em regime curto-circuito 160ºC (t≤5s)
Raio mínimo de curvatura na instalação (mm) 12 xd
Esforço máximo de tração (N) com manga sobre os condutores: 30 x S
com manga sobre a bainha: 3x d²
Não propagador de chama IEC 60332-1-2/EN 60332-1-2

S – secção dos condutores (mm²)
d- diâmetro exterior do cabo (mm)

 

 


LXAV - LX1AV
LXAV - LX1AV
Especificações Técnicas

Cabo para transporte e distribuição de energia, de tensão estipulada 0,6/1kV.
Indicado para instalações exteriores, directamente enterradas, ou instalações onde seja necessário proteger o cabo a esforços de esmagamento, impacto ou contra o ataque de roedores.


Especificações técnicas

Tensão estipulada U0/U 0,6/1 kV
Tensão de ensaio 3,5 kV a.c. 5 minutos
Temperatura máxima do condutor em regime permanente 90ºC
Temperatura mínima de curvatura na instalação (mm) 12xd
Esforço máximo de tracção(N) com manga sobre os condutores: 50 x S
com manga sobre a bainha: 3 x d²
Não propagador de chama IEC 60332-1-2/EN 60332-1-2


S – secção dos condutores (mm²)
d – diâmetro exterior do cabo (mm)

 

 


LXV
LXV
Especificações Técnicas

Cabo para transporte e distribuição de energia, de tensão estipulada 0,6/1kV. Indicado para instalações fixas, interiores ou exteriores, protegidas ou não.
 

Especificações técnicas

Tensão estipulada U0/U 0,6/1kV
Tensão de ensaio 3,5 kV a.c. 5 minutos
Temperatura máxima do condutor em regime permanente 90ºC
Temperatura máxima do condutor em regime curto-circuito 250ºC (t≤5s)
Raio mínimo de curvatura na instalação(mm) 15xd - cabos monocondutores: 12xd -cabos multicondutores
Esforço máximo de tração(N

com manga sobre os condutores: 30x S; com manga sobre a bainha: 3 x d²

Não propagador de chama IEC 60332-1-2


S- secção dos condutores (mm²)
d - diâmetro exterior do cabo(mm)

 


RZ1-K
RZ1-K
Especificações Técnicas

A série dos cabos EXZHELLENT XXI D.I 1000 V é constituída por três condutores flexíveis com isolamento 600/1000V mais um condutor de comando de 1,5mm², com bainha exterior de poliolefina termoplástica ignífuga isento de halogéneos, correspondendo a sua designação técnica a FXG(AS).

A temperatura máxima de serviço do cabo é de 90ºC.
 

Características
 

1- Condutor
Cobre Classe 5(-K)

2- Isolamento
Polietileno reticulado PEX(R)

3- Bainha Exterior
Poliolefina termosplástica
Zero halogéneos


SZ1-k
SZ1-k
Especificações Técnicas

Cabo de alta segurança resistente ao fogo, isento de halogéneo, para tensões nominais até 0,6 / 1kV.
Adequado para uso interno, instalações fixas, em áreas públicas, como hospitais, hotéis, shoppings, aeroportos, redes ferroviárias subterrâneas, túneis, centros de comunicação e, em geral, em todos os lugares onde é necessário um alto grau de proteção das pessoas. e ativos e / ou com um grande número de pessoas e equipamentos elétricos / eletrônicos.

 

Especificações Técnicas:
 

Tensão estipulada U0/U 0,6/1kV
Tensão de ensaio 3,5 kV a.c 5 minutos
Temperatura máxima do condutor em regime permanente 90°C
Temperatura máxima de curto-circuito 250°C (t≤5s)
Raio de curvatura mínimo (mm) 6 x d 
Esforço máximo de tracção (N) 50 x S

S – secção dos condutores (mm²)
d – diâmetro exterior do cabo (mm) 


XAV
XAV
Especificações Técnicas

Cabo para fonte de alimentação, para tensão nominal até 0,6 / 1kV. Adequado para instalações exteriores, diretamente enterradas, ou instalações ao ar onde seja necessário proteger o cabo de esforços de esmagamento, impacto, ou contra o ata que de roedores. 
Excelente proteção mecânica durante a colocação, instalação e manutenção.

Especificações Técnicas

 

Tensão estipulada U0/U 0,6/1kV
Tensão de ensaio 3,5 kV a.c. 5 minutos
Temperatura máxima do condutor em regime permanente 90ºC
Temperatura máxima de curto-circuito 250°C (t≤5s)
Raio de curvatura mínimo (mm 15 x d 
Esforço máximo de tracção (N) Cobre: 50 x S; Alumínio: 30 x S
Não propagador da chama IEC 60332-1-2 ; EN 60332-1-2 (cabo montado verticalmente, comprimento cabo carbonizado ≤ 540mm)

S – secção dos condutores (mm²)
d – diâmetro exterior do cabo (mm) 

 


XS * LXS
XS * LXS
Especificações Técnicas

Cabo para transporte e distribuição de energia em redes aéreas, para tensão nominal até 0,6/1kV.
 

Especificações Técnicas
 

Tensão estipulada U0/U 0,6/1kV
Tensão de ensaio 4 kV a.c. 5 minutos
Temperatura máxima do condutor em regime permanente 90ºC
Temperatura máxima de curto-circuito 250°C (t≤5s)
Raio de curvatura mínimo (mm) 18 x d 
Esforço máximo de tracção (N) com manga sobre condutores de cobre - 50 x S ; com manga sobre condutores de alumínio - 30 x S

 

S – secção dos condutores (mm²)
d – diâmetro exterior do cabo (mm) 


XV
XV
Especificações Técnicas

Cabo de controlo para tensão nominal de até 0,6/1kV.
Adequado para instalações fixas internas, protegidas ou não. 

 

Especificações Técnicas
 

Tensão estipulada U0/U 0,6/1kV
Tensão de ensaio 3,5 kV a.c 5 minutos
Temperatura máxima do condutor em regime permanente 90°C
Temperatura máxima de curto-circuito 250°C (t≤5s)
Raio de curvatura mínimo (mm) 15xd – cabos monocondutores; 12xd – cabos multicondutores
Esforço máximo de tracção (N) 3 x d²
Não propagador da chama IEC 60332-1-2 ; EN 60332-1-2 (cabo montado verticalmente, comprimento cabo carbonizado ≤ 540mm)

d – diâmetro exterior do cabo (mm) 


H05V-U | H05V-K
H05V-U | H05V-K
Especificações Técnicas

Cabo monocondutor sem bainha, flexível na construção H05V-K. Adequado para alimentação e controlo, em instalações fixas protegidas dentro de aparelhos e em, ou dentro de, montagens de iluminação. Também adequado para instalações em condutas montadas à superfície ou embutidas, se destinado a circuitos de sinalização ou controlo. 
 

Especificações Técnicas

Tensão estipulada U0/U 300/500 V
Tensão de ensaio 2000 V a.c. 5 minutos
Temperatura máxima do condutor em regime permanente 70°C
Temperatura máxima de curto-circuito 160°C (t≤5s)
Raio de curvatura mínimo (mm) H05V-U 4 x d | H05V-K 3 x d
Esforço máximo de tracção (N) H05V-U 50 x S | H05V-K 15 x S
Não propagador da chama IEC 60332-1-2 / EN 60332-1-2 (cabo montado verticalmente, comprimento do cabo carbonizado ≤ 540mm)

H05VV-F
H05VV-F
Especificações Técnicas

Cabo de alimentação para instalação interna, para tensões nominais até 300/500 V.
Usado em ambientes domésticos, cozinhas, escritórios; para eletrodomésticos, incluindo instalações em ambientes húmidos, para utilização média (por exemplo: máquinas de lavar, secadores e frigoríficos, candeeiros de mesa ou de chão, máquinas de escritório.) 

 

Especificações Técnicas

Tensão esrtipulada U0/U 300/500V
Tensão de ensaio 1500 V a.c. 5 minutos (S = 0,75 y 1 mm² | 2 000 V a.c. 5 minutos (S ≥ 1,5 mm²)
Temperatura máxima do condutor em regime permanente 70°C
Temperatura máxima de curto-circuito 160°C (t≤5s)
Raio de curvatura mínimo (mm) 5 x d si d≤12 ; 6 x d si d>12
Esforço máximo de tracção (N) 15 x S
Não propagador da chama IEC 60332-1-2 ; EN 60332-1-2 (cabo montado verticalmente, comprimento do cabo carbonizado ≤ 540mm)


S – secção dos condutores (mm²)
d – diâmetro exterior do cabo (mm) 


H07RN-F (500-750V) & DN-F (750 V/ 1kV)
H07RN-F (500-750V) & DN-F (750 V/ 1kV)
Especificações Técnicas

Cabo de borracha flexível, para uso industrial.

Os cabos de borracha XTREM H07RN-F são projetados para fornecer energia a aparelhos de baixa tensão, incluindo motores elétricos e bombas submersas em instalações em águas profundas, bem como muitos outros tipos de equipamentos elétricos. 

Graças à sua extraordinária flexibilidade e resistência mecânica, o cabo XTREM H07RN-F é ideal para transmissão de energia em instalação fixa ou serviço móvel. A tensão nominal até 1000V graças às altas propriedades dielétricas do material de isolamento (de acordo com HD 516). 
 

Características:
 

Desempenho elétrico

  • H07RN-F: 450/750V
  • DN-F: 0,6/1kV

Padrão

  • H07RN-F:EN 50525-2-21 / IEC 60245-4
  • DN-F: UNE 21150

Desempenho da água

  • Resistência à água: submersão  AD8
  • Bombas submersíveis 
  • Poços profundos
  • Água potável

Condições de instalação

  • Ar livre

Aplicações

  • Uso industrial
  • Robótica
  • Moinhos de vento

H07V-U | H07V-R | H07V-K
H07V-U | H07V-R | H07V-K
Especificações Técnicas

Cabo monocondutor isolado sem bainha, flexível na construção H07V-K. Adequado para alimentação de aparelhagem em instalações fixas protegidas e para montagem em quadros elétricos. Instalação em condutas montadas à superfície ou embutidas, ou em sistemas fechados similares. 
 

Especificações Técnicas

 

Tensão estipulada U0/U 450/750 V
Tensão de ensaio 2 500 V a.c. 5 minutos 
Temperatura máxima do condutor em regime permanente 70°C
Temperatura máxima de curto-circuito 160°C (t≤5s)
Raio de curvatura mínimo (mm) H07V-U/R 4 x d si d≤8 ; 5 x d si 812 ; H07V-K 3 x d si d≤12 ; 4 x d si d>12
Esforço máximo de tracção (N) H07V-U/R 50 x S ; H07V-K 15 x S
Não propagador da chama: IEC 60332-1-2 ; EN 60332-1-2 (cabo montado vertical, comprimento do cabo carbonizado ≤ 540mm)

S – secção dos condutores (mm²)
d – diâmetro exterior do cabo (mm) 


H07Z1-K
H07Z1-K
Especificações Técnicas

Cabo único, resistente ao fogo e de alta segurança, isolado com composto termoplástico livre de halogênio.
Recomendado para uso interno, instalações fixas, em áreas públicas como hospitais, hotéis, Centros comerciais, centros de informática e comunicação e, em geral, em todos os locais com grande número de pessoas e equipamentos elétricos e eletrônicos.

Especificações Técnicas

 

Tensão estipulada U0/U 450/750 V
Tensão de ensaio 2 500 V a.c. 5 minutos 
Temperatura máxima do condutor em regime permanente 70°C
Temperatura máxima de curto-circuito 160°C (t≤5s)
Raio de curvatura mínimo (mm) 9 xd 
Esforço máximo de tracção (N) Sobre o condutor 15 x S
Não propagador da chama IEC 60332-1-2 ; EN 60332-1-2 (cabo montado verticalmente, comprimento cabo carbonizado ≤ 540mm)

S – secção dos condutores (mm²)
d – diâmetro exterior do cabo (mm) 


808 202 816
© Copyright 2020 Grupo Rolear